Clínica Satto

 

 

Arteterapia – O que é afinal?

A Arteterapia é o uso das diversas linguagens artísticas, valendo-se do seu amplo potencial criativo, mobilizador e facilitador do autoconhecimento, para promover não só processos terapêuticos como também processos de

desenvolvimento do ser humano, nos mais diversos contextos.
O trabalho consiste em vivenciar linguagens artísticas diversas, como Desenho, Pintura, Modelagem, Música, Expressão Corporal (dança, mímica, representação), Escrita Criativa (textos, poesias), Mosaico, Recorte e Colagem, de maneira que as pessoas possam ampliar suas formas de expressão.
A Arteterapia não exige e não ensina técnica artística, valendo-se da arte não como produção artística, mas como linguagem. Os trabalhos não têm nenhuma pretensão técnica, funcional, estética ou comercial. O objetivo é estimular a autonomia, a ousadia, a autopermissão, o contato e a expressão. Assim, numa sessão de Arteterapia são legitimadas trocas espontâneas da linguagem artística utilizada, bem como o uso simultâneo delas num mesmo trabalho, interrupções, “estragos”, tentativas incomuns, ousadias, frustrações, incompatibilidades. O arteterapeuta vem não como instrutor ou apreciador, mas como ouvinte do que o cliente diz com sua arte. Proporcionando que através dela ele fale. O que for. Com qualquer cor, forma, textura, falhas, manchas, gestos, sons, buracos, rasgos ou mesmo com os também significantes e legítimos “silêncios artísticos”.
Com a Arteterapia o cliente amplia e exercita ativamente seus canais de contato com seus conteúdos internos, acessando-os através de suas expressões artísticas. Ao arteterapeuta não cabe interpretar a arte espontânea para o cliente e sim despertar-lhe o interesse em descobrir o que lhe dizem suas próprias produções. Sendo surpreendido pelo inesperado que visualiza ou sente nas suas atividades, o cliente vai começando a identificar elementos dos quais por vezes ainda não se dá conta e também percebendo novas possibilidades e alternativas de ação em seu contexto de vida. Percebendo-se autor de suas produções artísticas, vai sendo situado como determinante também do seu processo, passando de uma posição passiva para uma proposta ativa. O “Fazer Artístico”, além de convidar a percepções, vai também evidenciar que há possibilidades de transformação que se experienciam na atividade artística, se vislumbram a partir dela para se esclarecer, elaborar e fortalecer no processo, para então, realizarem-se na própria vida.

Clínica Satto

Endereço - Clínica Satto

© 2020 Todos direitos reservados. - Clínica Satto - Odontologia, Psicologia e Arteterapia.

By DNT Online